O que são implantes dentários?

Quem já passou pela perda de dentes ou viu alguém próximo sofrer com isso sabe o quanto é uma situação que abala a autoestima e até a saúde. Afinal, com a falta dos dentes, fica bastante difícil comer da forma correta e isso traz problemas como dor de estômago e dor de cabeça.

Muitas pessoas escolhem substituir esses dentes perdidos com a famosa ponte ou, em outros casos, com uma dentadura móvel. Todavia, essas duas soluções podem deixar o paciente um pouco inseguro, com medo de que a ponte ou a dentadura se solte, causando constrangimento.

Por tudo isso, o implante dentário, chamado de prótese fixa ou de dentadura fixa, é uma opção de tratamento que traz mais segurança para os pacientes.

 Como funciona a prótese fixa

Para que o protocolo fixo seja feito, o cirurgião dentista faz uma avaliação completa do paciente, não apenas da sua condição dentária, mas da sua saúde. Afinal, essa pessoa precisará ser anestesiada e, no caso de certas doenças, como as de ordem cardíaca, é necessário ter um pouco mais de cuidado com as doses.

No dia da realização do implante dentário, o paciente será sedado (mas continuará acordado) e o dentista retirará eventuais restos de dente e as suas raízes. Depois disso, ele fará a colocação de um pino de titânio em cada lugar onde ficavam os dentes e esses pinos ficarão dentro da sua gengiva, apenas com uma espécie de rosca para fora.

Depois, basta que o dentista encaixe o dente, deixando-o bem firme a ponto de que ele não saia quando a pessoa comer algo duro.

Implantes podem ser de quantos dentes o paciente precisar

Existe a carga imediata, que é quando o dentista retira todos os dentes do paciente e já coloca os implantes, tudo no mesmo dia. Em alguns casos, os pacientes ficam horas no consultório, mas saem dele com implante em absolutamente toda a boca.

Porém, quem perdeu apenas um ou dois dentes também pode fazer a dentadura fixa. Aliás, isso também serve para pessoas que estão com dentes amolecidos, o que pode significar que a sua raiz morreu e que eles podem cair a qualquer momento.

Como cuidar de um implante dentário

Depois que o implante dentario está feito, o paciente tem de cuidar dele como cuidaria dos seus dentes, ou seja, escová-los regularmente, usar fio dental e enxaguante bucal.

Algumas pessoas acham que, por se tratar de um dente sintético, não é preciso tomar tanto cuidado com a sua higiene porque eles não ficarão doentes. No entanto, cabe salientar que o paciente ainda pode ter mau hálito caso ele não faça a higiene da sua dentadura fixa da forma correta.

Além de tudo, é necessário ir com regularidade ao dentista para que ele faça a manutenção do implante dentário, o que significa uma limpeza profunda, conferência dos pinos de titânio, caso a dentadura móvel tenha sido feita há bastante tampo, pode ser necessário até substituir alguns dos dentes usados no procedimento.

Leia mais no blog.